Governança IH – Uma nova perspectiva humana


Hoje pela manhã, durante minha caminhada, estava refletindo nas funções da Governança Corporativa e suas comissões. Suas funções e responsabilidades. Mas comecei a refletir em uma em especial: a comissão de nomeações e remuneração.


Essa comissão foca na remuneração do conselho e suas performances, mas também abrange em algumas organizações o papel das pessoas na empresa. Enquanto outras têm a comissão separada. Antes da pandemia, vimos algumas instituições declarar que os colaboradores eram os seus maiores valores. Mas isso caiu quando foi necessário começar as demissões e reduzir custos devido ao cenário crítico provocado pela COVID-19. Não fizemos o que dizíamos ser importante para nós.


Estamos realmente fortalecendo a cultura nas empresas? Gosto de definir a cultura com uma fórmula simples: Cultura = Valores x Comportamento. Toda fez que dizemos algo como importante e fazemos algo diferente, estamos influenciando como as pessoas enxergam a cultura da organização. A consistência é o que faz uma cultura ser mais difundida e vivenciada. Não existe cultura certa ou errada. E todos nós nos adaptamos melhor ou não a uma determinada condição e ambiente de trabalho.


Se as pessoas são o nosso maior bem, porque não estamos discutindo nos conselhos qual foi o percentual de perda de pessoas que tivemos a cada trimestre ou ano? Quando digo perda, não me refiro apenas a perda física, mas também a perda mental. O último estudo do Instituto Gallup sobre engajamento dos colaboradores demonstra que apenas 17% estão engajados. Dos 83% restantes, 35% estão ativamente desengajados. Significa que fisicamente podem estar trabalhando, mas não tem nenhum interesse no que fazem.


Precisamos parar de enxergar as pessoas como um recurso, um bem. Pessoas são pessoas. Enquanto continuarmos a tratar pessoas como objeto pertencente a empresa, vamos continuar a não ter um nível de engajamento alto. Para fortalecer o futuro das organizações, é preciso que RH também se transforme e conquiste o seu assento nos conselhos. Precisamos deixar de ser RECURSOS (Bem) Humanos para transformarmos em um líder IH – Departamento de INVESTIMENTO Humano.


O papel do profissional IH nos conselhos é determinar qual o melhor investimento nas pessoas deve ser feito para conseguir realizar os planos de longo prazo. As funções transacionais do RH tradicional devem ser transformadas em processos digitais e autônomos e os profissionais desta área elevados a Gestor de Investimento Humano.


Imagine o Conselheiro de IH em sua função. Ele precisa identificar como o trabalho futuro será realizado para cumprir os objetivos corporativos de longo prazo. Precisa mudar de planejamento de pessoas para planejamento do trabalho (“Work to be done”). E esse trabalho futuro pode requerer uma diversidade de perfis. Por exemplo, para um projeto preciso: 1 gerente de projeto, 3 líderes “Agile”, 4 robots e 8 consultores externos. Não necessariamente todos pertencentes a empresa.


O futuro Conselheiro de IH tem que aprender identificar qual a melhor composição para realizar um trabalho em conjunto com seus pares. Deve também, assegurar que o investime


nto nas pessoas passe a ser o diferenciador do novo contrato social, que precisamos definir nas relações capitais de trabalho. Não podemos mais definir um meio de trabalho equalitário, onde as regras se aplicam igualmente para todos, mas sim pensarmos em investimento no capital próprio. Sair do pensamento de igualdade (Equality) para o pensamento de investimento (Equity) de pessoas. Somente assim teremos um crescimento e desenvolvimento de líderes em uma cultura forte. E, consequentemente, um maior engajamento das pessoas.


Como todo investimento, é preciso arriscar e eliminar os bloqueios mentais que temos. Fuja do tradicional, busque por pessoas que tiveram iniciativas de sempre tentar algo novo. Defina o seu portfólio de investimento e acredite.


E deixo uma provocação: Você se atreve a tornar-se um líder IH?



Gustavo Santos, Inspirational Leader & Mentor, International Executive. Embaixador do Squad Governança HUBRH+ abprh